BENFICA POWER
Connosco quem quiser, contra nós quem puder. É necessário estar atento a tudo o que circunda o Benfica com o objectivo de o debilitar. Serve este espaço para que a verdade desportiva possa prevalecer, alertando, demonstrando e denunciando tudo e todos
28 de Setembro de 2009

 

Natural e pessoalmente gostaria que a maior Catedral de Portugal fosse palco de um supremo feito para a esmagadora maioria dos portugueses e visse o Benfica ser campeão.


Todavia, como a meritocracia parecem estar fugida de Portugal, dando maior relevância ao anti-jogo, aos caciques que proliferam pelo nosso campeonato.

 

Como os milagres parecem estar fugidos de Portugal, desconfio que vou ter de esperar mais um ano para ver a águia voar mais alto que todos os outros bichinhos do campeonato português, nomeadamente, o dragão.  Os seus apoiantes têm tanta tendência para serem mitológicos que foram buscar um animal também ele mitológico, porque os que conheço ou nadam ou semi-rastejam em terra.

 

Gostaria de no caso de o Benfica ser campeão, que no final o vencedor saiba aceitar a Glória com que foi favorecido e soube conquistar e os vencidos sejam devidamente honrados e respeitados.

 

Gostaria, digo eu, porque até ao momento ao ver treinadores como Carlos Carvalhal e José Mota e outros que se sucederão ao defrontar o Glorioso, nunca poderei dizer Honra aos vencidos.

 

Ao ouvir José Mota dizer “Houve influência da arbitragem” nem vontade de comentar esta alarvidade tenho. Quem de forma honesta depois de liderar uma Equipa como o Leixões e a sua forma de actuar na Luz pode sequer ter a lata de dizer tal alarvidade sem se rir? Quem? José Mota conseguiu. Que posturas como as de José Mota e Carlos Carvalhal (que nem um jogo vence) sirvam de exemplo às Equipas que visitem a Luz. Pensem em jogar futebol, usem as armas que têm de forma leal e sem receio de perder. Já vi em plena Luz Equipas de 3ª divisão jogar de peito aberto com o Benfica e no fim ter de lhes dar toda a Honra merecida a um derrotado com brio.

 

Ao José Mota, apenas digo, saiu sem honra, sem brio e vergado a uma derrota à sua histórica postura no futebol. Ainda assim distingo a Equipa do Leixões do seu treinador. Os Matosinhenses, merecem muito mais e muito melhor do que aquilo que lhes foi pedido para fazer Sábado na Luz. É este merecimento que provavelmente fez com que não tivessem saído com uma derrota maior do a que impusemos a um V Setúbal que se vendeu ao FC Porto. Este merecimento, e o facto de te terem tido um árbitro amigo que não marcou mais duas claras grandes penalidades a favor do Benfica além de ter perdoado mais uma meia dúzia de cartões aos jogadores do Leixões.

 

Glória ao Vencedor…mas até agora ainda não posso dizer, Honra aos vencidos.

publicado por Carlos às 14:14 link do post
O Carvalhal já foi, agora será o outro a ir de Mota, já na semana passada o presidente deles vaio grunhir qualquer coisa.
João Marques a 28 de Setembro de 2009 às 16:31
Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
27
30
NOTÍCIAS
Page Counter & TV

Hit Counters




pesquisar neste blog
 
últ. comentários
É verdade nao deixemos o slb a ser consumido com ...
Pelo factos dados como provados? Dados Como prova...
Amigo que a liga condenou um inocente e os factos ...
Boas.Não querem trocar de links entre os nosso blo...
Gostei muito
Achei engraçado um pormenor aqui no blog ... ainda...
Olá.Visitei o seu blog e achei-o bastante interess...
filhos da puta dos portistas, metem nojo!
E o pior de tudo é que isto PRESENTEMENTE se está ...
blogs SAPO